PARTICIPANTES

 

1- Rita Rocha
2- António Barroso (Tiago)
3- Clara da Costa
4- Orlando Caetano
5- Luiz Poeta
6- Gislaine Canales
7- José Ernesto Ferraresso
8- Mifori
9- Odir Milanez
10- Maria Tomasia
11- Osmarosman Aedo- 2.000 e Nós
12-Ilze Soares
13- Humberto-Poeta
14- Eugénio de Sá
15- There Válio
16- HildaRosa
17- Rute Seubert
18- Maria de Fátima Delfina de Moraes
19- Clair Wilhelms
20- Marinez Stringhetta/ Mara poeta
21- Nilza Stringhetta Rossi
22- Paulo Silveira de Avila
23- Zenaide Giovinazzo
24- Maria Olga de Oliveira Lima
25- João Coelho dos Santos
26- There Válio
27- Anna Peralva
28- Isabel C S Vargas
29- Amilton M. Monteiro
30- ZzCouto
31- Ilka Bosse (Bailarina das Letras)
32- MaluBarni
33- Gina Maia
34- Hamilton Brito
35- Sonia Nogueira
36- Sueli do Espírito Santo
37- Cássia Vicente
38- Alfredo Santos Mendes
39- Marcia Larangeira
40- Luiza Almeida
41- Ary Franco( O Poeta Descalço)

 

 

 

Sonhando...

Rita Rocha

Pisaste solo fértil e precioso,
minado do mais puro afeto
e o abandonaste, silencioso,
voando pra longe, a céu aberto.

Sonho que parecera auspicioso,
cheio de ternura, mesmo discreto.
Embora simples e afetuoso.
Deixaste tudo pra viver liberto.

Atenta a tudo e a todos, mas sem receio
de ser apenas, mais um desafeto
viro esta página sem manuseio.

Tendo em mente um novo conceito,
exponho-me aos céus de coração aberto:
Um grande amor tenho no peito!

Santo Antônio de Pádua, 28/10/2014

 

 

Sonhando...

António Barroso (Tiago)

Vou sonhar, esta noite, que nasci
Num novo mundo, sem erros de outrora,
Onde as flores se beijem pela aurora,
E deixem afagar p´lo colibri.

Contigo eu sonharei, quando te vi
Naquele lindo dia, naquela hora,
E fomos, braço dado, mundo fora,
A descobrir o amor, perto dali.

Se o sonho for fiel e for amigo,
Pode deixar-me andar sempre contigo
Dançando valsas lindas, ao luar.

E, então, concretizar o meu desejo,
Nossos lábios unir em doce beijo
E, assim, permanecer, sem acordar.

Parede – Portugal (29/10/2014)

 

 

Sonhando...
Clara da Costa

Voei sem asas sobre o brilho da lua,
sentindo a vida voltar como num suspiro,
o coração descompassado e afoito,
quando tua boca procurou faminta a minha,
suas mãos vadias como rimas entrelaçadas
exploraram meu corpo,
iluminando meu olhar.

Amar você,
é como sentir a brisa suave
dessas manhãs primaveris...

Sonhando com esses momentos,
sinto a leveza de taças de versos e rimas ,
dos amores repletos de cumplicidade.

Praia de Pipa/RN

 

 

Sonhando...
Orlando Caetano

Todo eu sou sonho não acordo nunca
e se pareço acordado
falando, rindo e chorando, caminhando organizado
é só um truque mais nada
um artifício apurado do meu "isso" impertinente
malfadado, inconsciente, em que me esgoto.

Eu bem noto os remoques que me fazem
por acharem que sou estranho,
meio louco, despistado, de memória perturbada
sem dizer coisa com coisa.

Estou a vê-los a morderem p'la calada.

Não sabem que sou sonâmbulo
e que tenho pesadelos...

Leiria - Portugal

 

 

 SONHOS DE MULHER

Luiz Poeta

Luiz Gilberto de Barros – às 11 h e 53 min do dia 8 de setembro de 2013 do Rio de Janeiro - Poesia premiada entre as classificadas no concurso de 2014 da Associação dos Poetas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro – APPERJ

Não desejes que eu seja o que tu queres…
Há mulheres que ainda gostam de sonhar
E eu sou muito diferente das mulheres
Que tu queres, quando queres me agradar.

Não esperes que eu te minta ao amar-te,
É com arte que construo o meu amor,
Mas se és parte da metade que se parte,
Tu te partes no teu próprio esplendor.

Não procures no meu corpo o que te sobra;
Eu sou obra incompleta… o que te basta ?
Meu amor não tem nem casta, ele não cobra
Teu desejo, quando o teu amor se afasta.

Não me vejas como um vaso… eu sou planta;
Não sou santa, nem imagem…sou mulher !
E se amas só um corpo que te encanta,
Não te encantas com o amor que ele tiver.

Não desejes possuir o que já tens,
Se o que tens está perdido em tuas mãos;
Os amores, dos desejos são reféns,
E o que tens são só desejos fúteis, vãos.

Não me encontres no abandono das esquinas;
Sou menina com meu tempo de sonhar,
E se os sonhos vivem dentro das retinas
Cristalinas… não conheces meu olhar.

Quando os olhos da mulher que tu procuras
Se fecharem sobre a dor que ela tiver,
Seu amor há de perder-se em aventuras
E hás de ver o que são sonhos… de mulher.

 

 

Glosando Nilton Manoel

Gislaine Canales


SONHANDO

MOTE:

Sonhando de trova em trova
pela estrada da poesia,
minha vida se renova
no correr de cada dia.

Sonhando de trova em trova
encho meu mundo de cores
e uma idéia sempre nova
surge como mil amores!

Sigo sonhando, sonhando
pela estrada da poesia,
e vejo as musas chegando
com véus de amor a alegria!

A inspiração é a prova:
quando me ponho a escrever,
minha vida se renova
me faz feliz, por viver!

Esse é o caminho que faço
numa espécie de magia,
e cada verso é um abraço
no correr de cada dia.

 

 

Sonhos e Fantasias ...
José Ernesto Ferraresso

Vivemos no mundo da fantasia e da mentira,
sem separar o interior do exterior.
Valorizamos nosso mundo material,
e nos esquecemos do espiritual.

Há momentos de puras imaginações,
fantasias infantis e sonhos adultos.
Teço na mente um mundo de magia,
completo de ilusões e de interrogações.

Que estranho mundo fantástico é este!
Enigmático e contraditório, que rende-se à ilusão!
Vivo a sonhar; sempre sonho com coisas inatingíveis,
como se o mundo fantástico pudesse me proporcionar.

Vivemos de pesadelos ou devaneios,
deixamos divagar pelos sentimentos.
A razão e a emoção não conseguimos separar,
porque temos cérebro e coração.

Serra Negra
30/10/14

 

 

SONHANDO

Mifori

Com Jesus dentro do peito,
mais amor sem restrições
e uma vida colorida!...
Conquistando corações
pela verdade vivida,
a curar as ilusões!
Sonhando estou do meu jeito
pedindo a todos... Respeito!...

 

 

SONHANDO

Odir Milanez

Bonito, persistente e muito ousado,
minha alma espreitando, existe um sonho.
É danado de firme e de medonho,
convivendo comigo, lado a lado.

Descortina o futuro e vê passado.
É quase sempre alegre, mas tristonho.
Sendo sonho, é volátil, mas, suponho
ser bem real - talvez petrificado.

Acalenta visão que não resiste
à procura, incontida no concreto,
de outro rosto a sorrir meu riso triste.

Longe de mim me vem, quase completo,
o sonho não sonhado, que me assiste
na perene procura de um afeto...

JPessoa/PB

 

 

Sonhando...

Maria Tomasia

Vivo sonhando contigo,
sem não te conhecer.
No sonho, estás feliz comigo
e sinto muita alegria de viver.
Quem és tu? Não sei!

Procuro-te na multidão,
mas ainda não te encontrei.
Não desistirá meu coração,
de algum dia te encontrar
para esse sonho realizar.

 

 

SONHANDO
Osmarosman Aedo


Com o véu que a noite veste
e que ao sentir calor
desnuda inocente, tua luminosidade;
Com o verso que o poeta escreve
na intenção de cumplicidar
teus desejos mais exagerados;
Sonhando com a valsa
que o corpo suave desliza no assoalho
numa dança em frenesi que o agora encanta...
Sonhando do sono,
que assediou meu cansaço
e o incentivou dormir, SONHANDO.

 

 

Despertar De Um Sonho
Ilze Soares

O mar traz seu canto
no vai vem das ondas,
que me trazem enorme encanto...

Seu braço cingindo meu corpo
em terno abraço,
estreitando nossos laços,
despertando desejos
dos lábios famintos de seus beijos...

Aperto o travesseiro,
meu silencioso companheiro,
e volto a sonhar...
Não quero deste sonho acordar!

 

 

SONHO OU MIRAGEM?

Humberto Rodrigues Neto

Pra definir-te com perícia e arte,
me vejo muita vez a comparar-te
com tudo aquilo de melhor que houver.
Não sei se és uma alma iluminada,
que de outro plano me foi destinada;
se és uma estrela convertida em fada
ou se és um sonho que se fez mulher!

 

 

VIVER SONHANDO
Eugénio de Sá

A beleza descrita com fervor
vive nos sonhos castos que sonhamos
quando num pedestal feito de amor
pomos o ser bendito a quem amamos

E vemos como vera outra vivência
despojada de materiais interesses
olhamos em extasia essa excelência
sem querer abdicar d'encantos esses

Mas breve é o sonho, e dele o despertar
traz-nos de novo à crua realidade
Mais das vezes reféns de um falso estar

Porque o lar do amor não tem paredes
nem espaços limitados que o contenham
Daí; sonhar é bom; não tem reveses!

 

 

Sonhando...

There Válio

Numa noite de luar,
Olhando a luz refletida
Por entre a relva macia,
Onde juntos abraçados
Nossos lábios se encontrando
Selavam juras de amor.
Relembrando essas doces lembranças,
Fico sonhando acordado,
Na espera de rever esse amor.
Mas o meu sonho é breve,
Pois ela um dia partiu,
Desprezando meu querer.
E sem ter ela ao meu lado
Eu eterno apaixonado,
Vivo sonhando acordado...

 

 

Sonhando...

HildaRosa

Um sonho sonhado
tão doce quanto chocolate,
colorido esfuziante
com toque perfumado.

Um sonho desejado,
travesso, um tanto malcriado,
mas muito elegante, refinado,
másculo, marcante, determinante.

Um sonho de tantos sonhos sonhados...
vou sonhando, tecendo com rendas
de puro amor apaixonado.

 

 

Sonhando

Rute Seubert

É sonhando, mesmo acordada que te busco
sem sessar.
E neste sonhar constante não vejo o tempo passar.
Por toda minha vida poucas miragens persistem
com tanta força.
Porque estes sonhos existem.

Itajaí, SC

 

 

Sonhando...
Maria de Fátima Delfina de Moraes

Abri minhas asas ao vento,
quem sabe, ainda volte atrás,
levo-te em meu pensamento,
paixão que não esqueço jamais.

Preciso da liberdade,
voar, viajar pelo mundo,
bater asas, lugares distantes,
mas levo a dor da saudade.

Revivi em tua companhia,
luzes em minha vida vazia,
quem sabe ainda volte atrás,
já não sei voar sozinha.

 

 


SONHANDO

Clair Whilhems

Pode ser dormindo ou mesmo acordada
Sonho vem, sonho vai, quero assim acordar
De repente, quero esperar acontecer
Seja breve, quem sabe ou então avassalador.

Sonhando vou vivendo com a certeza
De que nada é por acaso nesta vida,
Pois é de sonhos que se constrói um mundo
Ás vezes, repleto de alegria, mas nem sempre é assim.

Sonhar um sonho gostoso é como uma canção
Aquela que me faz viajar, para um mundo só meu
E na bagagem posso levar quem eu queira
Sem pensar na consequência que virá.

 

 

SONHANDO...

Marinez Stringhetta/Mara poeta

Ah! Se você lesse pensamento
Meu sonho sairia da mente
Começo Meio e Fim
Infelizmente
Não mais olharia
Com carinho para mim
Sonhos não programados
Desejados
Românticos
Erotizados
Acontecem na cama
Fora da cama
Sob o Sol, sob a Lua
Totalmente nua.

 

 

 Sonhando

Nilza Stringhetta Rossi

Voei sem asas sobre o brilho da lua
Visitei torres e jardins
Prateados
Pousei bem no cimo de uma casa
Caiada com janelas azuis
Abriu-se uma das janelas
Percebi um vitral
Nada transparente
Varei o vidro com se não fosse gente
Senti vibrar a atmosfera do lugar
Enrolado em toalha e quase pelado
Lá estava ele_meu namorado
Segurou a cobertura da nudez com mais firmeza
Olhou o aposento com safadeza
Jogou pelo ar mil beijinhos
Olhou minha foto com carinho

 

 

Sonhando...

Paulo Silveira de Ávila

Que nada sou, pois meu corpo
não encontrou tua alma.

Sonhando... porque meus olhos
perdidos ficaram no teu olhar.

Nada sou, quando ouço esta música
e não escuto tua voz.

Nada sou, porque esta poesia
está vazia de ti.

 

 

DOCE MIRAGEM
Zenaide Giovinazzo

A miragem que alucina
aquece meu coração,
vivendo ilusão de menina
adormeço na paixão.
Sua presença é sonhada
e sob a magia do amor
trago-lhe para meu lado
oferecendo-lhe meu calor!

SP/novembro/2014

 

 

Sonhando...
Maria Olga de Oliveira Lima

Sonhando...
Num sono profundo
Te vejo na praia sentada
Sob o sol de verão.

A pele queimada,
Minha namorada, chapéu de palha,
Pernas levantadas, mirando ao redor...
Admirando o mar...

Nem me vê passar...
Eu... a me encantar,
Como se contemplasse um quadro erótico.

Não me contenho! Vou te abraçar.
Salto depressa para enlaçar-te
Mas... como abraçar-te...
Se... amanheceu... tocou o celular???

 

 

Sonhando

João Coelho dos Santos

Sonhando,
Em Maria encontrei
O mistério da vinda de Jesus
E em silêncio falei com Deus.
Cresceu e floresceu em mim
A esperança na esperança divina.

 

 

Sonhando

Quando lembro daquele olhar...
Tão meigo e sincero,
Fico a recordar o momento
Que meu amor foi embora.
Nada fiz para impedir
A partida desse amor.
Agora o arrenpedimento...
Cravado ficou em meu coração,
E sem ter nenhuma razão
Fico sonhando...
Sonhando com aquele olhar
Que implorava ficar,
E agora somente...
Me resta sonhar!

There Válio

 

 

SONHOS

Corpo na suave leveza do ser.
Alma, expressão pura da estesia.
Na brisa que passa, poesia-vida a se ler,
quando o sol acolhe a noite, e explode o dia!

No olhar, a alegria das estrelas em brilho,
na face o esboço dum sorriso brejeiro.
Há esperanças no caminho que trilho...
No peito amor-amigo e fiel companheiro.

Sentimentos recompondo a eterna melodia
revelam a beleza duma aquarela colorida,
pele vestindo pele, em suor tatuando fantasia.
No ar exala o perfume da flor que fora perdida.

Num instante tudo se encaixa com perfeição,
quando o silêncio fala e alcança o poema.
Abrolham rimas, manancial de inspiração,
onde você meu amor, é sempre o tema!

Harmonia e paz se abarcam neste coração,
quando o sonho do sono, enfim se desprende
e num voo livre vai liberando toda emoção,
em versos brancos, meu "eu" poeta ascende!

Anna Peralva

 

 

SONHANDO...

Sonho
Um sonho louco.
Sonho
que estou contigo
que te olho nos olhos
e me vejo te amando.

Um amor incontido
doído no peito
de tanto esconder
o quanto te quero.

Isabel C S Vargas

 

 

SONHANDO

Eu sempre vivo sonhando
Em ter um amor de verdade,
Que nunca reclame, quando
Lhe sobra a felicidade!

Amilton M.Monteiro

 

 

SONHANDO

Naquele cantinho
onde havia só poeira,
teias de aranha, folhas secas
e muito abandono,
era o canto de histórias vividas.
Lá o riso não ria
e o sol não chegava.
Naquele cantinho,
nasciam samambaias
de folhas longas,
flores douradas decorando
e embelezando o lugar.
O pujante maciço se ergue
e se inclina ocupando o espaço.
Sonhei que falta você
para ver o meu canto,
nascido do desencontro
tingindo de verde
o olhar...

ZzCouto

 

 

SONHO DE POETA

Faz o poeta nascer seus versos
Isentos da saudade ou solidão.
Pelas frestas da carne espreme
O sumo sólido do coração,
...enquanto a alma geme!

Vai cinzelando na rocha os poemas
Com suas ágeis mãos calejadas...
Uiva o vento e colabora, neste modelar.
No dorso desta ventania, as algemas,
...descarrilam do vento, as rajadas.

Eis, lá vai o trem...
Nos vagões cochilam os sonhos!
Sem destino ou é destino o além?
Cochilam também as horas, o tempo...
Mais uma rajada! Vinga-se o vento...
Pranto que descamba, sem fonte
Da frágil emoção faz sua ponte.

Acordo...
Apenas foi um sonho!
Sonho de Poeta...

Ilka Bosse
Bailarina das Letras
Blumenau-SC-Brasil - maio/2010

 

 

DE TANTO SONHAR...

De tanto sonhar...
com um futuro para nós
ficando a perâmbular
caminhando a sós

De tanto sonhar...
Acordada ou dormindo
Aos poucos vou sentindo
O caminho clarear

De tanto sonhar...
com nosso amor eterno
Guardo bem no meu interno,
a doçura que tenho a te dar

De tanto sonhar...
Lágrimas chegam a pingar,
numa emoção sem par,
ao imaginar o teu amar

De tanto sonhar...
com teu bem querer
Vejo em todo lugar
teus olhos a me ver

De tanto sonhar...
minha imaginação
traz traços a marcar
dentro do teu coração

malubarni

 

 

SONHANDO

Se o sonho comanda a vida,
mantenha-se a vela erguida;
Os ventos hão-de ajudar.

Sonhando fui vivendo minha labuta
desejando viajar por altos céus.
Percebi que pr'a vencer, só com luta
ganharemos as batalhas e troféus!

Gina Maia

 

 

Sonhando

De repente e assim não mais
algo muda, tudo se transforma.
Assim como fala o pensador...
O dia fica muito mais dia
a flor... muito mais olor
ah! o sorriso da criança!
Nunca o mar foi tanto mar...
Nunca fui tão grato ao meu Deus.
...e eu, creiam, não estava sonhando
Eu estava, isso sim, nos braços teus.

Hamilton Brito

 

 

Sonhando

Ah! Meus sonhares que se foram
Velejaram nas ondas meu pensar,
E foram tão velozes que levaram
Minha alma ventureira além mar.

Sonharam sonhos meus de criança
Criaram asas, subiram na ilusão,
Levaram como rima um refrão
Todo sonhar precisa de esperança.

E a esperança sozinha não floriu
Dispersa viajou num nevoeiro
Jardim sem adubo sem canteiro.

E o sonho em teimosia ressurgiu
Uniu cada pedaço, fez-se impune,
Sonhar perenizou o tempo imune.

Sonia Nogueira

 

 

Sonhando

Sonhos no passado adormecidos
Mas no coração tão vívidos
Ressurgem todos. suavemente
Dentro de um sonho sonhando
Na madrugada silente
Magicamente se realizando.

Sueli do Espírito Santo

 

 

Sonhando...

Era uma vez um sonho...
Não um sonho qualquer.
Um sonho de...Era uma vez...
Era uma vez, uma mulher, que talvez,
não tinha nada a contar, ou quem sabe, muito...
Então, naquela noite, sonhou ser não mais uma qualquer,
mas a única, sim, ela se via de alma e não de corpo dolorido
pela lida do dia, ela se sentia leve como nuvem de algodão e,
se permitiu sorrir...quanto tempo não sorria?! Talvez uma vida...
Sonhando, ela acordou para ser feliz.
Era uma vez aquela dolorida Vida.

Cássia Vicente

 

 

DIVAGANDO

Sonhei ter-te a meu lado sussurrando,
Ternas frases de amor e de carinho.
Que sentia teu hálito fresquinho,
Meus lábios para um beijo convidando.

Envolvido em tão doce companhia,
No calor do teu colo me aninhei.
Eu não sei quanto tempo assim fiquei,
Somente desejei não mais ser dia.

O sonho terminou, eu acordei.
Agarrando a almofada murmurei:
Que pena ser um sonho, mas que pena!

E sorrindo pensei: que noite assim,
Devia ser mais longa, não ter fim,
E não devia ser, assim, pequena!

Alfredo Santos Mendes

 

 


SONHANDO...

Sonhando com o amor
Posso até sentir o teu calor
É o que me move, me inspira, me encanta
É o que me dá força e alegrias tantas
e o desejo de continuar sonhando
e por ti ficar esperando...
mesmo quando tudo indica
que é tempo perdido... ainda fica
aquela esperança que meu coração criou
quando um dia, com você, ele sonhou...

Márcia da Costa Larangeira

 

 

Sonhando.

Sonhando agora, depois ou sempre.
São os pensamentos bons, secretos.
Acontece em qualquer momento...
Hoje, ou amanhã, caminhando ou dormindo.

Sonhando a vida é melhor.
Pode ser eu com você, só nós.
Segredos que ninguém sabe.

sonhos na quantidade de sua idade,
da minha idade, todas as idades.
Infinitos sonhos, são apenas sonhos...

Luiza Almeida

 

 

SONHANDO

Ary Franco (O Poeta Descalço)

Nesta noite senti teu inebriante olor
Senti o aconchego do teu terno calor.
Senti o sabor de mel dos lábios teus.
Admirei a luz de teus olhos nos meus.

Enlacei teu corpo em meus braços.
Perdemo-nos em carícias e abraços.
Amamo-nos em romântico frenesi.
Beijei com paixão, cada palmo de ti.

Como esperei por tão almejada ocasião.
Séculos tentando alcançar teu coração.
Sabia que o inevitável iria acontecer.
Até que enfim Eros veio nos enlouquecer.

Não queria que esta noite acabasse.
Que o raiar do dia jamais chegasse.
Acreditava que sonhava acordado.
Mas estavas deveras aqui ao meu lado!

Ary Franco ( O Poeta Descalço)

 

 

Edição Mara Pontes

 

:::VOLTAR:::