PARTICIPANTES

 

1- Osmarosman Aedo
2- Clara da Costa
3- Cássia Vicente
4- Estrela Radiante
5- José Ernesto Ferraresso
6- Sara Aisha
7- Maria Olga de Oliveira Lima
8- Nelson Fontes Carvalho (Portugal)
9- Ana Kilesse
10-Humberto-Poeta
11- Zenaide Giovinazzo
12- João Coelho dos Santos (Portugal)
13- Antônio Eraldo dos Santos
14- Gutemberg Maciel
15- Fernando Alberto Salinas Couto
16- António Barroso (Tiago- Portugal)
17- Mário Antônio dos Reis
18- José Hilton Rosa
19- Espedito Assis de Souza (Ditinho)
20- Nelson Fontes Carvalho (Portugal)
21- Luiza Almeida
22- Vitória Lynn
23- Madalena Müller
24- Natalia Vale (Portugal)
25- Cel (Cecilia Carvalho)
26- Isabel Passos (Portugal)
27-There Válio
28- Marinez Stringheta/Mara poeta
29- Heloisa Crosio
30- Ilze Soares

 

 

ASAS LÚCIDAS

Osmarosman Aedo- 2.000 e Nós

Aceito tuas asas e delas, saiba
Partirei rumo ao conhecido
Porque o desconhecido
É aonde estou...

 

 

ASAS LÚCIDAS

Clara da Costa

Minhas asas planam vazias de amar,
Rumo ao conhecido que me sorri.
Sem ti não há lugar no mundo para voar
perdida no horizonte é aonde estou...

 

 

ASAS LÚCIDAS

Cássia Vicente

Num vai e vem, batem minhas asas
voltando as destrato de mim...
Longe de ti, sou asa lateral perdida no vazio,
procurando por ti é onde estou.

 

 

Asas Lúcidas

Estrela Radiante

Voarei nas asas da poesia,
Planando sobre os mares.
Cortando assim os ares.
E aqui voltarei um dia.

 

 

ASAS LÚCIDAS

José Ernesto Ferraresso

Alçar voos sem rumos, sem destino
sempre foi meu modo de viver,
rumos ao desconhecidos e ininterruptos,
consigo me descobrir, e me encontrar.

 

 

Asas Lúcidas

Sarah Aisha

Sonhava e sorria
Olhos brilhando em luz
Braços a embalar o mundo. Lúcida - amava...
Só assim sei abrir-me em asas!

 

 

ASAS LÚCIDAS

Maria Olga de Oliveira Lima

Com essas minhas asas
Sei voar apenas em torno de mim.
Vem! Ponha-me em tuas asas.
Eleve-me aos ares e faz-me Feliz, enfim!...

 

 

Asas Lúcidas

Nelson Fontes Carvalho

Tenho asas como o condor,
pra voar nos meus espaços,
mas tu chegas, meu amor,
voo logo pra teus braços!

 

 

Asas Lúcidas

Ana Kilesse

Coloquei asas nos meus sonhos
Voei por onde achei que estavas
Planei como as gaivotas em tua procura
De nada adiantou...Voltei ao meu vazio...

 

 

Asas Ligeiras

Humberto-Poeta

Se em vadiagem costumeira
frequentas de outras as casas,
logo verás tua parceira´
por aí a bater asas!

 

 

ASAS LÚCIDAS

Zenaide Giovinazzo

Voo em pensamento!
São as minhas asas
que lúcidas e amantes
me levam a ti, num momento...

SP/Abril de 2013

 

 

ASAS LÚCIDAS

João Coelho dos Santos

Foi pelas asas lúcidas da inteligência,
Antes que pela Fé, que descobri a alma e soube que
É Deus quem estabelece a ligação e comunicação das substâncias.

 

 

Asas Lúcidas

Antônio Eraldo dos Santos

A esperença nunca morre
Quem tem fé
tem tudo.

 

 

Asas Lúcidas

Gutemberg Maciel

Volvendo o que me deste, amor
Sugando de mim todo fulgor...
Voando nas asas lúcidas do porvir
Fico a esperar tantas outras noite assim...

 

 

ASAS LÚCIDAS

Fernando Alberto Salinas Couto

Quisera também ter asas,mas não sem rumo, alienadas,
só querendo fugir da solidão,
mas, aos teus passos adesas,eis que as tuas são lúcidas,
ao inverso deste meu coração.

 

 

Asas Lúcidas

António Barroso (Tiago)

Que asas lúcidas são essas
que voam no ar, a luzir,
carregadas de promessas
que tu nunca irás cumprir?

 

 

Asas Lúcidas

Mário Antônio dos Reis

Do meu sentimento,
nasce o pensamento,...
nas asas do amor vou voar,...
e nunca mais vou parar...

 

 

Asas Lúcidas

José Hilton Rosa

Vento que me leva e trás
como pluma solta no ar
voa me levando para o céu
nas asas lúcidas e divinas.

 

 

Asas Lúcidas

Espedito Assis dos Santos ( Ditinho)

Nos céus dos meus vôos
a liberdade das minhas asas faz feliz meu coração
Minhas asas não pedem passagem
apenas seguem leve na amplidão.

 

 

Asas Lúcidas

Nelson Fontes Carvalho

Nas asas d'uma ilusão
continua à tua espera,
como a mesma gestão
das flores da primavera!

 

 

Asas Lúcidas.

Luíza Almeida.

No jardim dos meus sonhos.
Asas coloridas preenchem o meu vazio.
Ouço a melodias das asas vinda com o vento.
Vejo o dia amanhecendo

 

 

Asas Lúcidas

Vitória Lynn

Bela moça,
seu sonho agora é sonhar nos braços do seu amor.
Quando ele acordar desse sonho, estará esperando, prá juntos
com as asas do seu anjo amado, voar.

 

 

Asas Lúcidas

Madalena Müller

Cada instante que vou eu em partida...
... e ainda sinto por sua energia sendo eu conduzida,
vou ao céu onde traças e em cada célula sua paixão
e aterrizzzzo, vertendo-me numa doce alucinação.

 

 

Asas Lúcidas

Natália Vale

São lúcidas as asas
Que sempre me protegem
As tuas, meu grande amor,
Com carinho me prendem.

 

 

ASAS LÚCIDAS

Cel (Cecília Carvalho)

De-me tuas asas, quero voar
rumo ao desconhecido te buscar
lúcida ou mesma louca de paixão
voa, voa coração...

 

 

Asas de Luz

Isabel Passos

Hoje, com apenas uma asa,
faltam-me as forças... já desisti!
Sonho, na varanda daquela casa,
onde, com Asas de Luz, renasci...

 

 

Asas Lúcidas

There Válio

Nas asas da minha imaginação
Vou voando até o infinito...
Paraviver essa paixão
Que adentrou em meu coração!

 

 

Asas Lúcidas

Marinez Stringheta/Mara poeta

Quisera ter asas lúcidas
Os tombos não machucariam
O desconhecido atraente
Empurra à ilusão da mente.

 

 

ASAS LÚCIDAS

Heloisa Crosio

Minhas asas voam inquietas
Buscam a nossa loucura
Perdida no infinito do tempo...
Sou vôo solitário nesse imenso vazio!

 

 

Asas Lúcidas

Ilze Soares

Minhas asas lúcidas batem forte.
Sabem o que querem e para onde ir.
Num bater constante e feliz sorrir,
Encaminham-se rumo ao norte.

 

1

 

 

Edição Mara Pontes

 

:::VOLTAR:::