PARTICIPANTES

 

1- Fernando Alberto Salinas Couto
2- Clara da Costa
3- Odir Milanez
4- Sonia Nogueira
5- Eline Santos
6- João Coelho dos Santos
7- Hamilton Brito
8- José Hilton Rosa
9- ZzCouto
10- Humberto- Poeta
11- Eugénio de Sá
12- Osmarosman Aedo 2.000 e (ainda) Nós
13- Maria de Fátima Delfina de Moraes
14- Isabel C S Vargas
15- Marinez Stringhetta/Mara poeta
16- Zenaide Giovinazzo
17- Márcia da Costa Larangeira
18- Fernando Alberto Salinas Couto
19- Arianne Evans
20- Gina Maia
21- Nilza Stringhetta Rossi
22- Maria Olga de Oliveira Lima
23- Cássia Vicente
24- Ilze Soares
25- Gutemberg Maciel
26- There Válio
27- Nilza Stringhetta Rossi
28- Rita Rocha
29- Maria Olga de Oliveira Lima
30- Carolina Ramos
31- Nidia Vargas Potsch
32- José Ernesto Ferraresso
33- Yna Beta
34- Suzete Palitos
35- Paulo Silveira de Ávila

 

 

A Alma e o Silêncio
Fernando Alberto Salinas Couto

O silêncio nos declara,
sentimentos das almas,
através de lágrimas,
quando o amor vai embora.

 

 

A Alma e o Silêncio
Clara da Costa

O silêncio escreve com a alma ferida...
enquanto a distância morre calada,
a outra parte se parte, entristecida
...e tudo é só saudade.

 

 

A Alma e o Silêncio
Odir Milanez

A Alma e o Silêncio à madrugada
Sequer o vento invente sinfonia.
De tudo, além de tanto, resta o nada.
O Silêncio e a Alma em agonia...

 

 

A Alma e o Silêncio
Sonia Nogueira

Pressenti no silêncio da noite
Tua alma em pedaços dispersos
E na palavra a poesia em açoite
Navegando por mares desertos.

 

 

A Alma e o Silêncio
Eline Santos

É a saudade que aporta,
Quando minh'alma chora,
No silêncio que nasce,
Nesse intenso sentir.

 

 

Alma e o Silêncio

João Coelho dos santos

Deixei o silêncio consigo próprio
e pendurei meu olhar na estrela da tarde
Senti medo paciente
enquanto se soltavam cordões de água em chicote
a quererem envolver a alma e o silêncio
numa só gota de tempo

 

 

A Alma e o Silêncio

Hamilton Brito

Onde o silêncio se faz
nem tudo se encontra em paz
pode haver uma alma tão sofrida
nem para gritar ela é capaz

 

 

A Alma e o Silêncio
José Hilton Rosa

Alma e o silêncio
Alma que caminha pelo silêncio
apalpa meus sentimentos
acaricia minha paixão
alma minha
Flutuando em meus desejos
chega para agradar meus festejos
leva consigo meu choro
alma minha.

 

 

A Alma e o Silêncio
ZzCouto

A alma honraria com palavras
se fosse um ser da terra,
entregaria as carícias sobejadas,
em palavras escondidas, se não fosse
o silêncio em noites enluaradas.

 

 

 A Alma e o Silêncio

Humberto - Poeta

O meu pranto nada enxuga,
pois da face há em cada ruga
o pungir de inglória palma...
Da velhice a frustração
traz-me o silêncio malsão
que marca sem compaixão
cada ponto da minh’alma!

 

 

A alma e o silêncio

Eugénio de Sá

Cala-se a noite e do silêncio, a voz
Alça-se lesta dentro do meu peito
Que aprendeu a faltar-me ao respeito
Quando lhe peço que me deixe a sós.

As horas vão passando e eu ali
À conversa comigo até que o dia
Sugere que o conheça e que sorria
Mas na cara se vê que não dormi.

 

 

A ALMA E O SILÊNCIO
Osmarosman Aedo –2.000 e (ainda) Nós

Calma alma que acalma o silêncio
Alma calma que o silêncio a alma acalma
Alma acalma a calma do silêncio d'alma
Que no silêncio da alma, cala.

 

 

Alma e Silêncio
Maria de Fatima Delfina de Moraes

É no silêncio que alma cura feridas:
a dor, a saudade, o coração partido.
Só então, a vida recobra o sentido...

 

 

A alma e o silêncio
Isabel C S Vargas

Almas gêmeas, ligação infinita,
Sem necessidade de palavras,
Entendimento no olhar,
Silêncio por testemunha.

 

 

A Alma e o Silêncio

Marinez Stringhetta/Mara poeta

A alma se acalma
No silêncio da madrugada
Relembra o amor
Não se sente abandonada.

 

 

A ALMA E O SILÊNCIO
Zenaide Giovinazzo

Nas manhãs, vais relendo
o silêncio escuro e triste
que assola a sôfrega alma
e prova que a solidão existe...

São Paulo/Outubro/2015

 

 

A Alma e o Silêncio
Márcia Larangeira

O amor, quando contido,
cala a alma num silêncio sentido,
Que sofre pelo desejo desmedido
Do êxtase que não lhe é permitido...

 

 

A Alma e o Silêncio
Fernando Alberto Salinas Couto

No silêncio, nossas almas
levam à outros mundos,
todos nossos problemas,
segredos mais profundos.

 

 

A Alma e o Silêncio
Arianne Evans

Alma e silêncio são cúmplices...
Vivem de mãos dadas e ninguém,
além de quem, sabe que ele escuta
todos os seus gritos, presa no escaninho
do seu camafeu feito de emoções...
E a ninguém denuncia, deixando
que mentirosamente, os lábios de quem, sorriam...

 

 

A ALMA E O SILÊNCIO
Gina Maia

Com a tua ausência meu amor
só vegeto e já não sei viver.
Minh' alma definha de amargura.
No silêncio peço a Deus e rezo
que termine este meu sofrer.
Só sonho com a alegria do regresso
e que te vou mimar com ternura
para que fiques p'ra sempre preso
à loucura do meu querer!

 

 

A Alma e o Silêncio
Nilza Stringhetta Rossi

Acalma a alma e o silêncio acontece
Amanhece o sol na vida transformada
Meditar torna-se uma prece
O Universo agradece, mais nada.

 

 

A alma e o silêncio
Maria Olga de Oliveira Lima

A alma cala o silêncio
Pela dor do momento.
E se rompe em gritos, choros...
Lágrimas de arrependimentos.

 

 

A Alma e o silêncio
Cássia Vicente

A alma se cala,
machucada, dolorida,
ao silêncio, quase mortal,
que seu amado a impõe.

 

 

A Alma e o Silêncio
Ilze Soares

Quando o amor vai embora,
a alma chora em silêncio.
Sua tristeza apenas declara,
atraves do olhar perdido.

 

 

A Alma e o Silêncio

Gutemberg Maciel

No descortinar do vazio,
No buscar dos sentimento...
Movidos pelo vislumbrado,
A alma e o silêncio conspiram...

 

 

A Alma e o Silêncio

There Válio

A alma tentando clamar sua dor,
o silêncio a faz calar,
e as lágrimas jorram dos seus olhos
vendo seu amor partir!

 

 

A Alma e o Silêncio

Nilza Stringhetta Rossi

O aparente silêncio da alma
Deixa o ser humano em paz
Mas, ela trabalha sem parar,
Aparando os vieses da vida.

 

 

A ALMA E O SILÊNCIO

Rita Rocha

Nossa alma em silêncio permanece,
Quando precisa, da vida descansar
Contudo ela nunca mais se esquece
De querer um dia,à terra regressar.

 

 

A Alma e o Silêncio
Maria Olga de Oliveira Lima

Na calada da noite minh’alma se liberta
E chora... nas madrugadas frias.
Paira o mesmo silêncio, quando foste embora.

 

 

Alma Liberta

Carolina Ramos

Ser livre é poder falar
e seguir livre depois...
A paisagem é rude! E triste e pobre é o mundo
onde o sonho fenece à míngua de lugar!
Onde a Fé e a Esperança habitam caos profundo,
onde o Amor estertora, exangue a agonizar!

Olho o ventre da terra, ubérrimo, fecundo,
a pedir que a semente o venha despertar.
E vejo a fome rir... levando ao colo imundo
as vidas que roubou da indigência ou de um lar!

Clamo! Fechem-me a boca e hei de gritar! Que importa,
seja selado o vão de minha humilde porta,
ninguém há de abafar meu grito, meu lamento!

Clamo! Quebro o silêncio... o vil silêncio imposto!
- De que serve o mutismo a mascarar meu rosto,
se tenho a alma liberta e livre o pensamento!?

 

 

A Alma e o Silêncio

Nidia Vargas Potsch

Ecoa nos estertores da madrugada
Uma voz d’alma que silente habita
Na clandestinidade vive trancada
Como uma triste, solitária eremita

@ Mensageir@

 

 

A Alma e o Silêncio

José Ernesto Ferraresso

Há momentos que tudo parece igual,
Tornamo-nos idosos e nossa alma um dia irá.
Ela estará em um plano celestial astral,
Estejam certos, em silêncio, por ser imortal retornará.

 

 

A Alma e o Silêncio.

Yna Beta

Quando partiste, amor.
Minha alma ficou doente
O coração, ainda dormente,
Que no silêncio, triste chora...

 

 

 A Alma e o silêncio
Suzete Palitos

No silêncio da oração
Rogou pelo não vivido
E com a sensação do dever cumprido
Teve desperta a alma

 

 

A Alma e o Silêncio
Paulo Silveira de Avila

Há uma fonte que canta
bem no fundo do meu ser.
É minha alma de poeta,
rolando com a corrente
que não tem parada certa.
O silencio ronda para soprar
sonhos que vão vibrando
nas asas do vento.

 

 

Edição Mara Pontes

 

:::VOLTAR:::